quinta-feira, 10 de agosto de 2017

BLACK SABBATH - "PARANOID" ON TOP OF THE POPS 1970

BRUJERIA - POCHO AZTLAN

Quando a Brujeria lançou o EP "Viva Presidente Trump!" eu fiquei realmente feliz, pois a banda não lançava um álbum ou EP inédito desde "Brujerizmo" (2000). "Viva Presidente Trump!" foi lançado e eu curti e isso criou uma expectativa enorme em relação ao "Pocho Aztlan", o álbum de 2016. Pois bem, "Pocho Aztlan" é um álbum bom e eu realmente gostei do que ouvi, porém não se compara aos três primeiros álbuns clássicos da Brujeria. "Pocho Aztlan" tem o seus bons momentos como nas faixas "No Aceptan Imitaciones", "Profecía Del Anticristo", "Ángel De La Frontera", "Plata O Plomo" (a melhor faixa), "Satongo" (chupa-cabras!), "Culpan La Mujer" e "Códigos". A última faixa desse álbum é "California Über Aztlan" (Dead Kennedys cover) que já tinha sido lançada como single em 2010, no entanto é cantada em espanhol (Juan Brujo reescreveu a letra). Vale lembrar que este álbum é o primeiro sem a presença de Dino "Asesino" Cazares. Enfim, "Pocho Aztlan" é um álbum bom, mas eu esperava muito mais desse novo registro. Brujeria 2016: Fantasma (baixo e vocais), Hongo (guitarra), Pinche Peach (samples e vocais), Juan Brujo (vocais), Pititis (guitarra e vocais), El Cynico (baixo e backing vocals), El Podrido (bateria) e Hongo Jr. (bateria). 

When Brujeria released the EP "Viva Presidente Trump!" I was really happy, because the band did not release an album or EP unpublished since "Brujerizmo" (2000). "Viva Presidente Trump!" was released and I enjoyed it and this created a great expectation regarding "Pocho Aztlan", the album of 2016. Well, "Pocho Aztlan" is a good album and I really like what I heard, but it does not compare to the three first classic albums of Brujeria. "Pocho Aztlan" has its good moments as in the tracks "No Aceptan Imitaciones", "Profecía Del Anticristo", "Ángel De La Frontera", "Plata O Plomo" (the best song), "Satongo" (chupa-cabras!), "Culpan La Mujer" e "Códigos". The last track of this album is "California Über Aztlan" (Dead Kennedys cover) that already had been released like single in 2010, nevertheless it is sung in Spanish (Juan Brujo rewrote the lyrics). It is worth remembering that this album is the first without the presence of Dino "Asesino" Cazares. Anyway, "Pocho Aztlan" is a good album, but I expected a lot more from this new record. Brujeria 2016: Fantasma (bass and vocals), Hongo (guitars), Pinche Peach (samples and vocals), Juan Brujo (vocals), Pititis (guitars and vocals), El Cynico (bass and backing vocals), El Podrido (drums) and Hongo Jr. (drums).

Grindcore - Tijuana / Los Angeles - Califórnia - México / E.U.A / U.S.A.

USNEA - PYRRHIC VICTORY

ALTARAGE - SPEARHEADERON

ROT - TEASER LANÇAMENTO DE WORSHIPPING THEIR OWN CHAINS

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

PRIMITIVE MAN / SEA BASTARD - SPLIT


Split peso pesado! Primitive Man toca duas faixas faixas chamadas "Cold Resolve" e "Servant", ambas são como pesadelos, onde a agonia e o tormento estão presentes. Sea Bastard toca uma faixa chamada "The Hermit", onde relata a vida e peregrinação de uma eremita e sua fé. Apesar de possuir três faixas, esse split é bem longo (cerca de 36:54). Da hora!

Split heavyweight! Primitive Man plays two tracks tracks called "Cold Resolve" and "Servant", both are like nightmares, where agony and torment are present. Sea Bastard plays a track called "The Hermit", which tells of the life and pilgrimage of a hermit and his faith. Although this record has three tracks, this split is very long (about 36:54). So cool!

Primitive Man - Death Metal / Sludgecore / Doom Metal - Denver - Colorado - E.U.A. / U.S.A.
Facebook
Homepage
Twitter
Metal Archives

Sea Bastard - Sludgecore / Doom Metal - Brighton - Inglaterra / England
Facebook
Metal Archives

MOTÖRHEAD - GOD SAVE THE QUEEN [SEX PISTOLS COVER]

MOTÖRHEAD - HEROES [DAVID BOWIE COVER]

terça-feira, 1 de agosto de 2017

TUMBERO - VALE NADA

BRUJERIA - VIVA PRESIDENTE TRUMP! [EP]

Ótima idéia da Brujeria ao colocar o título desse EP como "Viva Presidente Trump!". Obviamente é um sarro com a figura pública mais escroto do mundo neste momento. Este EP contém duas faixas "Viva Presidente Trump!", excelente ruído que é uma espécie de "Pito Wilson" parte 2, da qual relata as verdades e idéias de Donald Trump (o muro, poder, preconceito, ódio racial e amante do dinheiro) e "Pared de Muerte" faixa que relata o mundo metal, paredão da morte e toda a diversão e emoção que envolve um show de metal. EP massa e fuck you puto! Viva!


Great idea from Brujeria by putting the title of this EP as "Viva Presidente Trump!". Obviously this is a sarcasm with the most stupid public figure in the world right now. This EP contains two tracks "Viva Presidente Trump!", an excellent noise that is a kind of "Pito Wilson" part 2, of which the lyrics relate the truths and ideas of Donald Trump (the wall, power, prejudice, racial hatred and lover of the money) and "Pared de Muerte", track where the lyrics relate the metal world, the wall of death and all the fun and excitement that surrounds a metal show. This EP is very good and fuck you puto! Viva!

Grindcore - Tijuana / Los Angeles - Califórnia - México / E.U.A / U.S.A
Facebook
Homepage
Instagram
Twitter
Metal Archives

OBITUARY - SENTENCE DAY [OFFICIAL LIVE MUSIC VIDEO IN 4K]

T.O.M.B. - FURY NOCTURNUS

O som mecanizado das trevas! Essa é uma boa definição para a T.O.M.B. (Total Occultic Mechanical Blasphemy) aliado ao medo, terror e outras coisas negativas e negras. "Fury Nocturnus" é um álbum muito macabro, onde as faixas são como guias para pensamentos obscuros e apocalípticos. Alguns demônios também colocaram as suas forças maléficas neste registro sinistro como Hellhammer (Mayhem), John Litchko (Goreaphobia/Necrotion), Grant Richardson (GNAWED) e Erik Danielsson (Watain - capa). Enfim, uma obra negra com vibrações negativas. 


The mechanized sound of darkness! This is a good definition for T.O.M.B. (Total Occultic Mechanical Blasphemy) allied to fear, terror and other negative and black things. "Fury Nocturnus" is a very macabre album, where the tracks are like guides to obscure and apocalyptic thoughts. Some demons have also put their evil forces into this sinister record as Hellhammer (Mayhem), John Litchko (Goreaphobia/Necrotion), Grant Richardson (GNAWED) and Erik Danielsson (Watain - cover art). In short, a black work with negative vibrations.

Black Metal / Industrial / Dark Ambient / Noise - E.U.A. / U.S.A.

KROMOSOM - LIVE AT THE ACHERON, MAY, 22ND, 2013

segunda-feira, 31 de julho de 2017

LENG TCH'E - STENTOR OF DOOM

CZARCIE KOPYTO DRUM CAM - NICHOLAS BARKER LOCK UP "BRETHREN OF THE PENTAGRAM" 04.05.2017 [KRAKOW - POLAND]

ALTARAGE - ENDINGHENT

REIKETSU - NINHO DE HARPIA

Reiketsu é realmente é uma banda interessante. Lembro que assisti o show da banda em 2013 no Exhale The Sound (Belo Horizonte) e sem dúvida foi uma das apresentações mais legais. A atmosfera das músicas juntamente com o local e as pessoas envolvidas criou uma sintonia única... boas lembranças. Em 2016 a Reiketsu lançou "Ninho de Harpia", um álbum que transportou a banda para outra dimensão. Digo isso pois "Ninho de Harpia" é um álbum que soa mais post-metal do que neocrust ou crust (óbvio, as influências ainda permanecem) e isso ao meu ver tornou a banda mais original e com uma identidade própria. As duas primeiras faixas que ouvi desse registro foram "Homem-Nada" e "O Inferno em Suas Narinas", justamente as músicas que mais se destacam neste álbum (boas letras também). Com relação as letras que são bem elaboradas, vale ressaltar que todas são cantadas em português (mais outro mérito). Para finalizar: "Ninho de Harpia" é mais outro destaque de 2016 e que merece ser conferido caso você ainda não escutou. Vida longa ao Reiketsu!


Reiketsu is really an interesting band. I remember watching the band's show in 2013 at Exhale The Sound (Belo Horizonte) and it was certainly one of the coolest performances. The atmosphere of the songs along with the venue and the people involved has created a unique tune... good memories. In 2016 Reiketsu released "Ninho de Harpia", an album that transported the band to another dimension. I say this because "Ninho de Harpia" is an album that sounds more post-metal than neocrust or crust (obviously, influences still remain) and this in my view made the band more original and with its own identity. The first two tracks I heard from this record were "Homem-Nada" and "O Inferno em Suas Narinas", these songs are the ones that stand out most in this album (good lyrics too). With regard to the lyrics that are well elaborated, it is worth mentioning that all the songs are sung in Portuguese (plus another merit). To conclude: "Ninho de Harpia" is another highlight of 2016 and deserves to be checked in case you have not heard yet. Long live to Reiketsu!

Post-Metal / Neocrust - São Paulo - Brasil
Facebook

JUPITERIAN - US AND THEM [EXCERPT]

GATECREEPER - SONORAN DEPRAVATION

Gatecreeper é uma banda relativamente nova e os caras são do Arizona e quando se fala desde estado norte americano logo vem a cabeça a Sepultura, já que os brasileiros moraram em Phoenix por muitos anos (aliás, o Max Cavalera ainda reside em Phoenix). Entretanto, a musicalidade da Gatecreeper é diferente do que foi feito pela Sepultura no passado. Gatecreeper é uma banda death metal bem influenciada pela cena sueca, em outras palavras, Dismember é certamente a maior influência deles. Claro, você também vai perceber a influência do death metal americano no som deles (neste caso a Obituary é a referência). "Sonoran Depravation" foi lançado em 2016 e é um álbum muito bom, ou seja, cheio de agressividade, fúria e energia. Destaque para as faixas "Craving Flesh", "Desperation", "Rotting as One" e "Lost Forever". Em suma, Gatecreeper é uma das novas bandas de death metal que estão para foder tudo daqui pra frente e "Sonorah Depravation" é a prova disso, pois é um dos melhores álbuns lançados em 2016. Foda!


Gatecreeper is a relatively new band and the guys are from Arizona and when you talk about this North American state, I think of Sepultura, since the Brazilians have lived in Phoenix for many years (in fact, Max Cavalera still lives in Phoenix). However, Gatecreeper's musicality is different from what Sepultura has done in the past. Gatecreeper is a death metal band well influenced by the Swedish scene, in other words, Dismember is certainly their biggest influence. Of course, you will also notice the influence of American death metal on their music (in this case Obituary is the reference). "Sonoran Depravation" was released in 2016 and is a very good album, that is, full of aggression, fury and energy. Highlight for the tracks "Craving Flesh", "Desperation", "Rotting as One" and "Lost Forever". In short, Gatecreeper is one of the new death metal bands that are on stage to destroy everything and "Sonorah Depravation" is proof of this as it is one of the best albums released in 2016. Great!

Death Metal - Phoenix - Arizona - E.U.A. / U.S.A.
Facebook
Tumblr
Twitter
Metal Archives

STIG C. MILLER - RIGHTEOUS TRANSCENDENCE [RUFF MIX - NO VOX/UNMASTERED]

SOULFLY - REFUSE/RESIST [LIVE OZZFEST]

sábado, 29 de julho de 2017

CRIPPLE BASTARDS / LOOKING FOR AN ANSWER - SPLIT EP

Ficou muito maneiro esse split de covers. Cripple Bastards: Impulse Manslaughter & Negative FX. Looking For An Answer: Napalm Death & Ruido de Rabia.


Really cool record of songs covers. Cripple Bastards: Impulse Manslaughter & Negative FX. Looking For An Answer: Napalm Death & Ruido de Rabia.

Cripple Bastards - Grindcore - Asti - Itália / Italy

Looking For An Answer - Grindcore - Madrid - Espanha / Spain

EDUCATED SCUM - LIVE GRIND MASSACRE

Live @ Fuck&Destroy Fest VII (Moscow, 05/16/2016)

Death Metal / Grindcore - Moscou - Moscow - Rússia
Facebook
Metal Archives

quinta-feira, 27 de julho de 2017

WINDS OF GENOCIDE - LIVE

CRUZ - CULTO ABISMAL

O Denito (Anti-God Squad) me aplicou essa banda um tempo atrás e eu achei do caralho. Desde então tenho ouvido com bastante freqüência o barulho feito por esse catalães e pirando cada vez mais. "Culto Abismal" é um álbum absolutamente pesado e poderoso, pois o que se ouve aqui é o culto e a união entre dois abismos: death metal & crustcore. Das oito faixas que compõem esse excelente álbum eu destaco "Intruso", "Culto Abismal", "La Caza", "La Pitjor de les Plagues" "Pesanta" (essa faixa tem uma pegada bem Defy - antiga banda do Denito). Cruz é uma banda massa e "Culto Abismal" é um dos melhores álbuns lançados em 2016. Animal!


Denito (Anti-God Squad) introduced me to this band a while ago and I liked it right away. Since then I have heard quite often the noise made by this Catalans and admiring more and more. "Culto Abismal" is an absolutely heavy and powerful album, because what you hear here is the cult and the union between two abysses: death metal & crustcore. Of the eight tracks that make up this excellent album I highlight "Intruso", "Culto Abismal", "La Caza", "La Pitjor de les Plagues" and "Pesanta" (this track sounds like Defy - ex band of Denito). Cruz is a great band and "Culto Abismal" is one of the best albums released in 2016. Badass!

Death Metal / Crustcore / Punk - Barcelona - Catalunha / Catalonia - Espanha / Spain
Facebook
Metal Archives

sábado, 22 de julho de 2017

HAWKWIND - SILVER MACHINE

VOIVOD - POST SOCIETY [EP]

Voivod é uma banda que é difícil de rotular, pois eles podem soar como metal experimental ou até mesmo progressive metal, mas o fato certo é que a Voivod é uma banda com musicalidade única com uma atmosfera futurista (cyberpunk). "Post Society" foi lançado em 2016 e a primeira faixa que eu ouvi foi "Post Society" e pra mim é a melhor faixa desse registro (o vídeo clipe é massa). As outras faixas também são bem legais, na qual inclui o "Silver Machine" clássico da Hawkwind. Da hora!

Voivod is a band that is difficult to define a musical style, as they may sound like experimental metal or even progressive metal, but the fact is that Voivod is a band with unique musicality with a futuristic atmosphere (cyberpunk). "Post Society" was released in 2016 and the first track I heard was "Post Society" and for me it is the best track of that record (the video clip is very good). The other tracks are also pretty cool, which includes Hawkwind's classic song "Silver Machine". Cool!

Progressive Metal / Experimental - Jonquière - Quebec - Canadá
Facebook
Homepage
Twitter
Metal Archives

quinta-feira, 20 de julho de 2017

SIC SEMPER TYRANNIS - SIC SEMPER TYRANNIS

Sic semper tyrannis é uma frase em latim que significa "assim sempre aos tiranos". Sendo assim, logo se imagina a postura dessa banda chilena (a voz contra o abuso de poder). Sic Semper Tyrannis é uma banda nova e esse registro auto intitulado é composto por nove faixas cantadas em espanhol, onde a banda mescla hardcore com crust punk. A arte de capa que bem agressiva é chamada 'Judite decapitando Holofernes' é uma obra do artista italiano Artemisia Gentileschi, na qual relata a violência masculina (patriarcado). Da hora!

Sic semper tyrannis is a phrase in Latin which means "thus always to tyrants". So, you can imagine the posture of this Chilean band (the voice against the abuse of power). Sic Semper Tyrannis is a new band and this self titled record consists of nine tracks sung in Spanish, where the band plays hardcore and crust punk. The very aggressive cover art called 'Judith beheading Holofernes' is a work of the Italian artist Artemisia Gentileschi, in which she reports on male violence (patriarchy). So cool!

Hardcore / Crust Punk - Valdívia - Chile
Facebook

THE VARUKERS - DAMNED AND DEFIANT